Marquês de Montemor

R$58,30



Descrição

PRODUTOR: Plansel

VINHO: Marquês de Montemor

 REGIÃO: Alentejo - Distrito de Évora - Conselho de Montemor-o-Novo

CLASSIFICAÇÃO LEGAL: Vinho Regional Alentejano

COMPOSIÇÃO DE CASTAS: Arinto, Antão Vaz e Viosinho

GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 13° GL

PRODUÇÃO ANUAL: 15.000 garrafas

CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: Clima de características mediterrâneas com alguma continentalidade sobretudo durante o verão. Distingue-se das restantes regiões do distrito de Évora por uma pluviosidade ligeiramente mais elevada.

CARACTERÍSTICAS DO SOLO: Solos pardos mediterrâneos, derivados de granitos.

ELABORAÇÃO: Colheitas em caixas de 25kg, desengace completo e decantação estática durante 24 horas a baixas temperaturas. A fermentação em cubas de inox de pequena capacidade processa-se a uma temperatura de 14°C, durante cerca de 4 semanas, após o que o vinho é filtrado e biologicamente estabilizado. A sua maturação ocorre também em inox a uma temperatura de 8°C, até ao seu engarrafamento, precedido de uma filtração por membrana.

AMADURECIMENTO: Rápida permanência em inox.

ESTIMATIVA DE GUARDA: 2 anos

CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Coloração palha cristalina. Delicados e fresquíssimos aromas frutados, com atraentes laivos minerais. Agradável ingresso na boca, limpo, esbanjando juventude e de deliciosa acidez. Final suculento e íntegro.

CARTA DE VINHO SINTÉTICA: Delicados e fresquíssimos aromas frutados, com atraentes laivos minerais. Íntegro e estimulante.

DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: Peixes simplesmente grelhados; Salada de camarões, morangos e redução de aceto balsâmico; Queijos de cabra frescos.

TEMPERATURA DE SERVIÇO: 10°C


PRODUTOR: Plansel

VINHO: Marquês de Montemor Rosé

 REGIÃO: Alentejo - Distrito de Évora - Conselho de Montemor-o-Novo

CLASSIFICAÇÃO LEGAL: Vinho Regional Alentejano

COMPOSIÇÃO DE CASTAS: Aragonez e Alfrocheiro

GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 12° GL (Acidez total: 6,0 g/L)

PRODUÇÃO ANUAL: 4.000 garrafas

CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: Clima de características mediterrâneas com alguma continentalidade sobretudo durante o verão. Distingue-se das restantes regiões do distrito de Évora por uma pluviosidade ligeiramente mais elevada.

CARACTERÍSTICAS DO SOLO: Solos pardos mediterrâneos, derivados de granitos.

ELABORAÇÃO: Colheitas em caixas de 25kg, desengace completo e fermentação em pequenas cubas de inox a 14°C por 4 semanas.

AMADURECIMENTO: Rápida permanência em tanques de inox.

ESTIMATIVA DE GUARDA: 2 anos

CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Cereja de média intensidade, cristalino. Intensos aromas de morangos frescos e framboesas e algum caramelo. Vinho fresco, leve, macio, de final elegante e muito saliente a fruta.

CARTA DE VINHO SINTÉTICA: Intensos aromas de morangos frescos e framboesas e algum caramelo. Fresco, leve, macio, de final elegante e muito saliente a fruta.

DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: Mariscos abertos no azeite com alho, salsinha e tomates maduros, servidos com tostas de pão; Sashimi de salmão ou atum; Cozinha tailandesa de pescados em preparações picantes.

TEMPERATURA DE SERVIÇO: 12°C

 PRODUTOR: Plansel

VINHO: Marquês de Montemor

 

REGIÃO: Alentejo - Distrito de Évora - Conselho de Montemor-o-Novo

CLASSIFICAÇÃO LEGAL: Vinho Regional Alentejano

COMPOSIÇÃO DE CASTAS: Trincadeira, Aragonez e Touriga Nacional

GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 13,5° GL (Acidez total: 6,0 g/L)

PRODUÇÃO ANUAL: 190.000 garrafas

CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: Clima de características mediterrâneas com alguma continentalidade sobretudo durante o verão. Distingue-se das restantes regiões do distrito de Évora por uma pluviosidade ligeiramente mais elevada.

CARACTERÍSTICAS DO SOLO: Solos pardos mediterrâneos, derivados de granitos.

ELABORAÇÃO: Colheitas em caixas de 25kg, desengace completo e fermentação em cubas horizontais com rotação (vinimatic’s), com controle de temperatura. Após uma ligeira maceração, a fermentação malolática ocorre de forma espontânea. Amadurecimento em cubas de inox.

AMADURECIMENTO: 6 meses em tanques de inox.

ESTIMATIVA DE GUARDA: 3 anos

CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Vermelho-púrpura intenso. Revela frutas negras maduras (cerejas, ameixas e amoras), sobre notas de violeta e especiarias. Ótimo equilíbrio em boca, taninos redondos integrados a equilibrada acidez.

CARTA DE VINHO SINTÉTICA: Revela frutas negras, sobre notas florais e de especiarias. Maduro, quente e harmônico.

DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: Grande versatilidade com carnes; Pappardelle de espinafre ao ragù bovino; Iscas de filé ao molho madeira; Seleção de embutidos e presuntos crus.

TEMPERATURA DE SERVIÇO: 14°C